Número total de visualizações de página

sábado, 3 de março de 2012

Tudo coopera para o bem daqules que amam a Deus.

"E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a DEUS, daqueles que são chamados por seu decreto".
Quando estudamos este texto, precisamos conhecer o assunto que o apóstolo Paulo está abordando aqui. O assunto de Paulo na seção que se inicia nesse versículo 28 de Romanos, capítulo 8, é sobre a segurança plena e total, a certeza absoluta da nossa salvação e a libertação suprema, final e completa de tudo o que o pecado nos causou.Veja que este versículo inicia assim: "E..." – esse vocábulo "E" serve para duas funções principais neste texto:
§ Ela forma o elo com o argumento maior do capítulo todo.
§ Uma conexão subsidiária, isto é, secundária, no sentido de que é uma continuidade do que Paulo dissera na seção anterior, quando ele falou sobre o ESPÍRITO SANTO nos socorrer nas nossas fraquezas.
Que o SENHOR nos ajude a estudar estes textos com reverência e temor. Não há privilégio maior para um cristão nesta terra do que estudar essa doutrina.
Agora, no versículo 28 Paulo afirma uma proposição (Ato ou efeito de propor) e faz uma asserção (Proposição afirmativa ou negativa que anuncia um fato; afirmação). Depois, nos versículos 29 e 30, ele prova e demonstra a sua asserção. Essa é uma das declarações mais importantes feitas por Paulo, como também uma das declarações mais consoladoras de todas as declarações que temos em toda a Bíblia.
Quando Paulo diz: "E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a DEUS, daqueles que são chamados por seu decreto" (RC). No original grego este texto está da seguinte forma: "E sabemos que, para aqueles que amam a DEUS, todas as coisas contribuem juntamente para o bem". E para "aqueles que amam a DEUS" que todas as coisas contribuem juntamente para o bem. Isto quer dizer que esta declaração apostólica está relacionada com aqueles que amam a DEUS.
O que significa "todas as coisas?" Se nós seguimos a leitura do capitulo 8 de Romanos, veremos que ele diz: "A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada". Todas essas coisas cooperam para o bem daqueles que amam a DEUS. Vamos atentar para alguns aspectos interessantes neste texto:
§ As pessoas gostam desse versículo, porque elas entendem esse "bem", como "bem estar". Elas põem uma palavrinha que estragam todo o versículo. Todas as coisas cooperam para o "bem estar".
§ Veja que o que é esse "bem". O verso 29 inicia assim: "Porquanto...". Aqui, temos uma conjunção coordenativa na língua portuguesa, que tem a função de explicar a causa, o motivo expresso na oração principal.
§ Na língua grega, temos aqui uma conjunção que é hoti. Essa conjunção tem a função de unir as orações, e por conseguinte explicar.
§ Então, "Porquanto" é explicativo. Ele vai explicar o versículo 28.
§ Portanto, não é o nosso "bem estar". É um "bem" muito maior do que "bem estar". É um "bem", por causa do qual, muitas vezes nós podemos passar por muito "mal estar". Quando a cruz está cortando a sua vida, isso não traz um "bem estar". Isso pode trazer um "mal estar" por um lado, ao mesmo tempo em que traz um gozo por outro.
§ Mas o verso 29 explica assim: "Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou..." – aqui, ele deu um alvo antecipado, porque Ele nos pré-conheceu, antes de nós nascermos. Então ele nos predestinou, para que? "Para serem conformes (ou conformados, ou tomarem a forma) à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos".
§ Nós estamos sendo conformados à imagem do seu Filho, para que Ele (O SENHOR JESUS) "seja o primogênito entre muitos irmãos". Agora você entende qual é o propósito de DEUS para a sua vida? Conformar você, à semelhança de CRISTO.
§ Note que no versículo 30, os verbos estão todos no passado. "E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou". Até o "glorificou" está no passado. Porque em CRISTO, tudo já está feito. Tudo está consumado!
§ Nele temos a garantia de que nenhum daqueles que verdadeiramente creram Nele, irá se perder. Todos estaremos lá, porque Ele está lá, conduzindo muitos filhos à glória.
§ Quando hoje, nós passamos por aflições, este é o prisma que nós temos que olhar. Todas as coisas cooperam. Isso é glória.
Vamos ler dois textos:
§ Cl 1.27 - "... CRISTO em vós, a esperança da glória."
§ Hb 2.10 - "Porque convinha que aquele, por cuja causa e por quem todas as coisas existem, conduzindo muitos filhos à glória, aperfeiçoasse, por meio de sofrimentos, o Autor da salvação deles".
"todas as coisas"
Paulo diz, todas as coisas literalmente. Ele se refere às coisas boas, favoráveis; mas também às coisas que parecem estar contra nós, coisas que parecem ruins para nós, coisas que são determinadoras, atemorizantes, deprimentes. Ele inclui tudo. Paulo já havia falado disso em Romanos 5.2-5: "... e gloriamo-nos na esperança da glória de DEUS. E não somente isto, mas também nos gloriamos nas próprias tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança; e a perseverança, experiência; e a experiência, esperança. Ora, a esperança não confunde, porque o amor de DEUS é derramado em nosso coração pelo ESPÍRITO SANTO, que nos foi outorgado".
Um outro texto que corrobora com este é Deuteronômio 8.3-7 que diz: "Cuidareis de cumprir todos os mandamentos que hoje vos ordeno, para que vivais, e vos multipliqueis, e entreis, e possuais a terra que o SENHOR, prometeu sob juramento a vossos pais. Recordar-te-ás de todo o caminho pelo qual o SENHOR, teu DEUS, te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, para te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias ou não os seus mandamentos. Ele te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que tu não conhecias, nem teus pais o conheciam, para te dar a entender que não só de pão viverá o homem, mas de tudo o que procede da boca do SENHOR viverá o homem. Nunca envelheceu a tua veste sobre ti, nem se inchou o teu pé nestes quarenta anos. Sabe, pois, no teu coração, que, como um homem disciplina a seu filho, assim te disciplina o SENHOR, teu DEUS. Guarda os mandamentos do SENHOR, teu DEUS, para andares nos seus caminhos e o temeres; porque o SENHOR, teu DEUS, te faz entrar numa boa terra, terra de ribeiros de águas, de fontes, de mananciais profundos, que saem dos vales e das montanhas".
O termo, "cooperam" - no grego é sunergeo, e ocorre cinco vezes no N.T., - (Mc 16.20; Rm 8.28; 1 Co 16.16; 2 Co 6.1; Tg 2.22), e significa: "trabalhe com", "avançar". O termo "bem" - no grego é o vocábulo agathos, que significa: "beneficio", "útil" e "excelente".
Como saber se essa verdade se aplica a mim?
Primeiro devemos descobrir se de fato nossa vida se amolda à descrição dada pelo apóstolo, quando diz que essas pessoas "amam a DEUS". Veja que nos escritos de Paulo, ele deu certa ênfase a isto, como por exemplo, em I Co 2.9: "mas, como está escrito: Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que DEUS tem preparado para aqueles que o amam". O que está evidente na mente de Paulo ao escrever estes textos é mostrar que o cristão no aspecto prático da sua vida cristã, é alguém que sua vida vai além do simples fato de crer em DEUS. Tiago diz que os "... os demônios crêem que estremecem" - (Tg 2.19).
Amar a DEUS é o teste mais penetrante e mais completo da vida cristã prática. Em Lucas 10.27, o SENHOR JESUS disse: "A isto ele respondeu: Amarás o SENHOR, teu DEUS, de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento". Aqui somos conduzidos a refletir:
§ Somos incapazes por nós mesmos de amar o SENHOR. Nosso amor deve ser pelo amor de DEUS em nós; Paulo disse em Romanos 5.5, que "... o amor de DEUS é derramado em nosso coração pelo ESPÍRITO SANTO, que nos foi outorgado".
§ O amor é totalmente inclusivo. Quando amamos todas as partes do nosso ser estão incluídas. Nós não amamos por seções da nossa personalidade. O amor é sempre totalitário em suas exigências e respostas.

quinta-feira, 1 de março de 2012

FILHO MEU!

Filho meu, se aceitares as minhas palavras, e esconderes contigo os meus mandamentos, Para fazeres o teu ouvido atento à sabedoria; e inclinares o teu coração ao entendimento; Se clamares por conhecimento, e por inteligência alçares a tua voz, Se como a prata a buscares e como a tesouros escondidos a procurares, Então entenderás o temor do SENHOR, e acharás o conhecimento de... Deus. Porque o SENHOR dá a sabedoria; da sua boca é que vem o conhecimento e o entendimento. Provérbios, 2, 1-6E, tendo nascido Jesus em Belém de Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém, Dizendo: Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? porque vimos a sua estrela no oriente, e viemos a adorá-lo. E o rei Herodes, ouvindo isto, perturbou-se, e toda Jerusalém com ele. Mateus, 2, 1-3

FOI POR VOCÊ!

Foi por você!


"Foi por você"! Essa frase é bastante utilizada quando se fala que Jesus morreu na cruz por você, por mim. Nestes últimos dias que antecedem a Páscoa, quero refletir sobre essa frase.

Deus fez uma promessa a Abraão, um homem de idade avançada com uma mulher estéril e de idade também avançada, e que através desses dois, Deus faria o seu povo. Deus disse a Abraão: “Faço aliança contigo e com tua posteridade, uma aliança eterna, de geração em geração, para que eu seja o teu Deus e o Deus de tua posteridade”(Gen. 17, 7).

E o Homem, sabe como é, fraco, deixou-se levar pelas paixões e fraquezas desse mundo, e sempre rompia a aliança eterna estabelecida. Deus muitas vezes deixou de ser o Deus daquele povo: “Se o Senhor dos exércitos não nos tivesse deixado alguns da nossa linhagem, teríamos sido como Sodoma, e ter-nos-íamos tornado como Gomorra”, disse Isaías, no cap.1,9. A coisa estava tão feia, que nem os enviados por Deus davam jeito naquele povo.

Mas Deus, que é misericórdia, vê como o Homem estava caminhando para a ruína e resolve mandar seu único Filho, fazendo uma nova aliança com o Homem, para que todo aquele que Nele crê tenha a vida eterna. Seu nome é Jesus Cristo, Deus feito homem, veio ao mundo para mudar a lógica das relações humanas até então praticadas, para aperfeiçoar a lei que Deus tinha deixado ao Homem. E Cristo vem selar uma nova aliança com o Homem, essa aliança selada com o seu próprio sacrifício, com o seu sangue derramado numa cruz.

Deus veio ao mundo não apenas para um povo, mas para todos os povos de todos os séculos, para que sigamos a nova lei deixada por Ele a nós e propagada pela sua Igreja, até que ele volte.

Eu poderia explorar os mais diversos assuntos com este artigo, mas quero apenas me deter nesse aspecto: Jesus morreu numa cruz para selar uma nova aliança contigo! Foi por você! Para que Ele seja o teu Deus e o da tua posteridade!
Fique em Cristo, pois ele é a nossa Paz!

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

 
Pegue seu “Sorriso”
E presenteie a quem nunca teve um

Descubra uma “Fonte”
E banhe quem vive na lama.
...
Use sua “Valentia”
Para Dar força e ânimo
A quem não sabe lutar.

Tenha “Esperança”
E viva em sua luz.

Descubra o “Amor”
E passe a conhecer o mundo.

Pegue um “Raio de Sol”
E faça-o brilhar onde reina a escuridão.

Pegue uma “Lágrima”
E ponha-a no rosto de quem nunca chorou.

Descubra a “Vida”
E ensine-a a quem não sabe entendê-la.

Pegue sua “Bondade”
E dê a quem não sabe Dar!

(Mahatma Gandhi)

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

"Três verbos existem que, bem conjugados, serão lâmpadas luminosas em nosso caminho – Aprender, Servir e Cooperar

O AMOR É NOBRE

Existem palavras em nossa língua que tem significados poderosos. Sempre que essas palavras são utilizadas, um ar de respeito é associado a elas. Essas palavras nunca perdem sua qualidade, classe e dignidade. Uma dessas palavras será o nosso foco hoje. É a palavra honra.
Honrar também significa respeitá-lo e estimá-lo, tratá-lo como alguém especial e de grande importância. A Bíblia nos diz para “honrarmos” nosso pai e nossa mãe, assim como aqueles que tem autoridade. É um chamado para conhecer a posição ou o valor de alguém. Quando falamos com eles, mantemos nossa linguagem clara e compreensiva. Somos educados e agradáveis. Quando eles falam conosco, levamos a sério o que dizem, dando à suas palavras peso e significância. Quando nos pedem algo, nós os servimos de todas as maneiras possíveis, simplesmente por respeito a quem são. Honra é uma palavra nobre.
Isso é especialmente verdadeiro no casamento. Honrar o cônjuge significa dar a ele total atenção: não falar com ele por trás do jornal ou com os olhos voltados para a televisão. Quando as decisões que afetam a ambos ou a toda família estão sendo tomadas, damos à voz e à opinião do nosso cônjuge a mesma influência em nossa mente. Hontamos o que ele tem a dizer. Ele importa – e é através da meneira como o tratamos que deve saber disso.
Porém, existe outra palavra que nos convida a um lugar mais elevado, uma palavra que, na maioria das vezes, é banida do casamento, apesar de seu significado não poder ser contido. É uma palavra que, na verdade, forma a base da palavra honra – a verdadeira razão pela qual damos respeito e superioridade a nossa esposa ou marido. Esta palavra é santo.
Dizer que a pessoa que você ama é santa para você não significa que ela é perfeita. Santidade significa que ela está separada para um propósito maior – nada que seja incomum ou cotidiano, mas especial e único. A pessoa que se tornou santa para você tem um lugar em seu coração que não pode ser ocupado por nenhum rival. Ela é sagrada para você, uma pessoa a ser honrada, elogiada e defendida.
Uma noiva cuida dessa maneira do seu vestido de noiva. Depois de usá-lo em seu dia especial, ela o cobre e o protege, depois o separa de tudo o mais em seu armário. Você não a vê usando o vestido enquanto trabalha no jardim ou enquanto vai à cidade. Seu vestido de noiva tem um valor por si mesmo. Desse ponto de vista, ele é santo e sagrado para ela.

Quando duas pessoas se casam, cada cônjuge se torna “santo” um para o outro, pela união do casamento. Isto significa que nenhuma outra pessoa no mundo inteiro tem o direito de receber este nível de compromisso e afeto de você. O seu relacionamento é incomparável. Você tem intimidade física só com ela, só com ele. Você edifica uma casa, cria seus filhos com essa pessoa. Seu coração, suas posses, sua vida é para ser absorvida em um laço incomum compartilhado com esse ser humano.
É assim que acontece em seu relacionamento? Seu amado poderia dizer que você o honra e o respeita? Você a considera separada e valiosa? Santo(a)?
Talvez você não se sinta dessa maneira, e quem sabe até por uma boa razão. Talvez você deseje que alguém do lado de fora veja o nível de desrespeito que você recebe de quem você ama – alguém que fala seu cônjuge se sentir envergonho ao expor o que realmente é dentro de casa.
Mas essa não é a questão do amor. O amor honra mesmo quando é rejeitado. O amor trata seu amado como alguém especial e sagrado mesmo quando suas atitudes ingratas são tudo o que recebe de volta.
É maravilhoso, com toda certeza, quando um marido e uma esposa estão juntos nesse propósito, quando eles estão seguindo o mandamento bíblico “dediquem-se uns aos outros” em amor, quando eles “preferem dar honra aos outros” (Romanos 12.10). O casamento deve ser honrado por todos e o leito conjugal deve ser conservado puro (Hebreus 13.4).
Mas quando seus esforços em honrar não são recíprocos, você deve honrar da mesma forma. É isso que o amor lhe desafia a fazer – a dizer “de todos os relacionamentos que eu tenho, darei mais valor ao nosso. De todas as coisas que estou disposto a sacrificar, sacrificarei o máximo por você. Com todas as suas falhas, pecados, erros e culpas – passadas e presentes – eu ainda escolho amar e honrar você.” É assim que uma atmosfera para que o amor seja reaceso é criada. É assim que conduzimos o nosso coração a novamente amar de verdade nosso cônjuge. Essa é a beleza da honra.
Escolha uma maneira de demonstrar honra e respeito ao seu cônjuge que vá além da sua rotina. Pode ser abrir a porta para ela. Pode ser separar as roupas que ele irá vestir. Pode ser a forma como você ouve e fala com ele. Mostre ao seu cônjuge que ele é altamente honrado aos seus olhos.
Dá me o teu coração… e deleitem-se os teus olhos nos meus caminhos.
- Provérbios 23.26
Igualmente vós, maridos, vivei com elas com entendimento, dando honra à mulher, como sendo elas herdeiras convosco da graça da vida.
- 1 Pedro 3.7

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Nunca se esqueça de Deus.

'Deus não escolhe pessoas capacitadas, Ele capacita os escolhidos.'
Um com Deus é maioria.
Devemos orar sempre, não até Deus nos ouvir, mas até que possamos ouvir a Deus.
Nada está fora do alcance da oração, exceto o que está fora da vontade de Deus.
O mais importante não é encontrar a pessoa certa, e sim ser a pessoa certa.
Moisés gastou:
40 anos pensando que era alguém;
40 anos aprendendo que não era ninguém e 40 anos descobrindo o que Deus pode fazer com um NINGUÉM.
A fé ri das impossibilidades.
Não confunda a vontade de DEUS, com a permissão de DEUS.

Meu amado Pai(que já ñ está entre nós), citava-me várias vezes:
Não diga a DEUS que você tem um grande problema.
Mas diga ao problema que você tem um grande DEUS.
E, eu creio que existe sim, um grande DEUS!
E os problemas comparados a ele é nada.
Assim é o amor de Deus:tão fiel, tão invariável, tão eterno que nem todas as águas do mundo o poderiam apagar!

Um dia, um menino perguntou: - “Papai, por que é que Deus nos ama tanto se somos tão maus?”. 0 pai, sem qualquer hesitação, resp...ondeu: - “Porque Deus, meu filho, não sabe fazer outra coisa que não seja AMAR...”

"Sou como o vento que passa, perdido na imensidão caminhando dia e noite, sem rumo e direção, levando a vida a todos sem nenhuma distinção, espalhando alegria em cada coração. Sou como o vento que passa, sem tédio e sem rancor, sou a essência da vida… MEU NOME É AMOR!" DEUS VIVE!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

O QUE SÃO PROMESSAS DE DEUS?
As promessas de Deus são espirituais e sendo assim dificilmente serão compreendidas com a mentalidade humana “Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem são as que Deus preparou para os que o amam. Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. Mas o que é espiritual discerne bem tudo, e ele de ninguém é discernido.” 1 Coríntios 2:9,14-15. Todos nós almejamos viver as promessas de Deus, mas, é preciso aprendermos pela Palavra alguns fatores que giram em torno da promessa do nosso Criador, vejamos:
FATORES PRESENTES NAS PROMESSAS DE DEUS
1 – A promessa de Deus gira em torno de impossibilidades
Se analisarmos cada promessa de Deus expressa aos homens, iremos notar que elas se deparam com situações que na ótica humana seriam até mesmo impossíveis de serem solucionadas. Um grande exemplo disso é o patriarca Abraão (Hebreus 11:8-12). Ele recebeu a promessa de uma terra frutífera por herança e saiu de sua casa e parentela sem saber pra onde ia. Posteriormente ele recebeu a promessa de obter uma descendência numerosa como as estrelas do céu e como a areia do mar, mas, era já avançado em idade e sua esposa Sara era estéril. E, nenhuma das impossibilidades pode  impedir as promessas de Deus de se tornarem realidade na vida de Abraão. O Senhor Jesus também destacou que as promessas giram em torno de impossibilidades. No Evangelho de João 11.40, Ele disse a Marta: “Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?” A situação de Lázaro era algo irreversível, pois, já havia quatro dias que ele já estava sepultado, mas Jesus havia feito uma promessa em João 11:11-15. Essa promessa era sobre  algo impossível de se tornar realidade, mas, Deus foi glorificado através de um grande milagre. Se for preciso Deus realizar um grande milagre para vivermos a Sua promessa podemos  ter certeza de que Ele o fará. Viver as promessas de Deus é viver as coisas que Ele tem dito a nosso respeito, é preciso deixarmos de viver as impossibilidades humanas e vivermos as possibilidades divinas.
2 – A promessa de Deus gira em torno de obstáculos a serem vencidos pelo homem
M uitos pensam que Deus se responsabiliza por todo o processo. Não se pode  excluir a responsabilidade humana para se viver uma promessa. Disse Jesus: Tirai a Pedra...” João 11.39 .É verdade que Deus é fiel e trabalha em prol do cumprimento de suas promessas na nossa vida, mas nós temos a responsabilidade de tirar a pedra. Deus não vai fazer aquilo que é para o homem fazer. Exemplo:  Deus tem uma grande promessa na sua vida profissional, ou seja, Deus o prosperará dentro da empresa em que você trabalha. Mas, se você não estudar, não se aperfeiçoar na área profissional e ser um funcionário exemplar e dedicado, essa promessa não se confirmará na sua vida. Ainda no exemplo da ressurreição de Lázaro, recitando o versículo de João 11.40 –“ Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?” Note que o homem precisa crer na promessa, pois bem sabemos que a dúvida atrapalha Deus operar na nossa vida (Tiago 1.6-7). Temos que excluir a incredulidade do nosso coração para que possamos viver as promessas de Deus. Outro exemplo é a promessa de que Deus repreende o devorador e nos faz prosperar,  como vemos em Malaquias 3.10-11, mas se não formos dizimistas e ofertantes na obra do Senhor, essa promessa estará comprometida na nossa vida. Não se tornará em realidade. Veja que é necessário o homem fazer a sua parte para que as promessas de Deus se tornem realidade na sua vida.
3 – A promessa de Deus gira em torno de aprendizado
“E te lembrarás de todo o caminho pelo qual o Senhor, teu Deus, te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, para te tentar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias os seus mandamentos ou não. E te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que tu não conheceste, nem teus pais o conheceram, para te dar a entender que o homem não viverá só de pão, mas que de tudo o que sai da boca do Senhor viverá o homem.” Deuteronômio 8:2-3.
O Senhor havia dado a promessa de posse de uma terra a Abraão e que estava pra ser conquistada. Então Deus começa a explicar ao povo através de Moisés o propósito dos quarenta anos no deserto, ou seja, estiveram ali naquele lugar para aprender um propósito divino. Para José alcançar a promessa que Deus havia lhe revelado através dos dois sonhos, ele teve que aprender muita coisa para estar preparado em todos os aspectos da vida, pois assim estaria apto a exercer a liderança planejada por Deus sem perder o foco do propósito divino. “Vós bem intentastes mal contra mim, porém Deus o tornou em bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar em vida a um povo grande.” Gênesis 50:20. Para José relatar essas palavras até que não foi tão difícil, mas para aprender esse propósito custou-lhe mais de 20 anos longe da família e vivendo de forma nem um pouco agradável. É importante aplicarmos o nosso coração naquilo que estamos aprendendo com Deus diariamente, pois a promessa se cumprirá e nos alegrará certamente, mas, a maior bênção é o aprendizado que adquirimos nessa experiência de aguardarmos o cumprimento da vontade de Deus na nossa vida. O apóstolo Paulo nos relata em Filipenses 4:11-13 algo muito claro a respeito do aprendizado, pois ele afirma que Deus supre as nossas necessidades em glória, mas, para ele afirmar que podia todas as coisas naquele que o fortalecia foi preciso passar por uma verdadeira escola de Deus. Se quisermos realmente viver as promessas de Deus para nossas vidas temos que valorizar o que Deus tem nos ensinado a cada dia através da Sua Palavra e também através das situações que ocorrem conosco no dia a dia, pois a Bíblia nos diz que tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus e que são chamados segundo os seus propósitos (Romanos 8:28).
4 – A promessa de Deus gira em torno do tempo de Deus (Kairós)
A palavra grega Kairós significa tempo de Deus, ou seja, é o tempo determinado por Deus no qual Ele concretiza a Sua promessa na vida do homem. Hoje vivemos o tempo do “speed”. Tudo muito rápido. Vemos o homem querendo encurtar o seu tempo a cada dia mais com suas invenções tecnológicas. Mas, quando tratamos de promessas de Deus, nada podemos fazer para mudar o tempo de seu cumprimento.
Podemos afirmar que não é Deus que precisa do tempo e sim o homem. Para Deus resolver uma questão ou concretizar uma promessa basta apenas ele dizer uma palavra e tudo acontece. Foi assim na época da criação, pois, Deus disse haja luz e houve luz! Quando Deus pronuncia a palavra ela acontece. O fato é que o homem é que precisa dum tempo determinado para aprender propósitos divinos. Em Eclesiastes 3:1 e Eclesiastes 8:6, Salomão relatando que para todo propósito há tempo e modo. De acordo com a Bíblia o justo vive as promessas de Deus na estação própria – Salmos 1:3Se realmente quero viver as promessas de Deus devo estar ciente de que o cumprimento dela estará sujeito ao tempo de Deus (Kairós). E devo com toda paciência aguardá-la.
III – INSTRUÇÕES IMPORTANTES PARA VIVERMOS AS PROMESSAS
Vimos que as promessas de Deus são espirituais e que giram em torno de impossibilidades, obstáculos, aprendizado e tempo de Deus e por isso não podemos deixar de valorizar algumas instruções importantes para que possamos alcançar as promessas, vejamos:
a) – É preciso descobrir qual é a promessa de Deus para a nossa vida
Como já vimos, as promessas de Deus são espirituais, e isso nos faz entender que aos olhos naturais fica difícil entendê-las (1 Coríntios 2:9,14-15). Devemos conhecer as promessas que Deus tem para a nossa vida. E para isso precisamos mergulhar em duas fontes que é a Bíblia e a oração. Se não houver uma intimidade com Deus através da Bíblia e da oração pouco conheceremos e creremos nas promessas que Deus tem para nossa vida (Jeremias 33:3).
b) – Devemos andar com Deus
A Bíblia diz no Salmos 25:14– “O segredo do Senhor é para os que o temem; e ele lhes fará saber o seu concerto. Se quisermos conhecer os mistérios de Deus para a nossa vida é preciso andar com Deus. Sem obediência e santidade não há promessa. Ainda que esteja escrita a promessa na Palavra de Deus, não podemos nos esquecer que a herança das promessas de Deus é válida para aqueles que no seu dia a dia vivem de forma a glorificar ao Senhor através de suas vidas. Ao ímpio e desobediente não adiantará recitar versículos e mais versículos porque a sua negligência diante de Deus o impede de ser abençoado (Salmos 50:16-22).
c) – O tempo de viver as promessas se chama “Hoje”
Quando andamos com Deus passamos a conhecer as suas promessas. E o Espírito Santo nos dá uma certeza tão grande de que esta promessa se confirmará que passamos a viver duma forma diferenciada do homem natural. A pessoa que está certa da promessa que Deus tem para ela,  vive  aquilo que ainda não é palpável em sua vida. A Bíblia nos diz em Hebreus 11.6 – “Ora, sem fé é impossível agradar-lhe, porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que é galardoador dos que o buscam.” Se realmente queremos viver as promessas de Deus devemos tomar posse delas “hoje” e vivê-las com os nossos lábios e coração “hoje”. A promessa é nossa. Deus já nos deu (Efésios 1:3 / 2 Coríntios 1:20) e devemos vivê-la “hoje” pela fé. Se a Bíblia nos diz que a boca fala do que o coração está cheio então que o nosso coração e lábios estejam cheios das promessas de Deus.
4 – É necessário ser perseverante
Um versículo muito conhecido que diz respeito a isso é o Salmos 40.1: “ Esperei com paciência no Senhor, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor.
Esperar com paciência no Senhor não é cruzar os braços e deixar o tempo passar para ver o que acontece, mas sim, colocar a sua esperança no Senhor e batalhar perseverantemente pela vitória diante de Deus. O salmista relata que Deus ouviu o seu clamor. Ele não estava parado deixando o tempo passar, ele estava clamando diante de Deus pela sua vitória. E é sobre isto que o escritor de Hebreus também relata em Hebreus 6:11-12. “E desejamos que cada um de vós mostre o mesmo zelo até o fim, para completa certeza da esperança; para que não vos torneis indolentes, mas sejais imitadores dos que pela fé e paciência herdam as promessas.” Sabemos que o nosso inimigo não quer que vivamos as promessas de Deus e ele só tem uma opção para nos impedir de vivê-las: abafar a nossa fé e nos fazer recuar. O inimigo sabe que se recuarmos deixaremos de viver as promessas de Deus para a nossa vida e por isso tem lançado os seus dardos inflamados contra a nossa vida.  O Senhor Jesus também relatou sobre a necessidade da perseverança para vivermos as suas promessas na Parábola do Juiz iníquo – Lucas 18:1-8. Vemos nesta Parábola que aquela viúva nunca desistiu de batalhar por sua causa diante daquele injusto juiz. Ainda que por diversas vezes ficou frustrada em suas tentativas, mas, pela sua importunação teve sua vitória alcançada. Nunca devemos deixar de batalhar em oração por aquilo que Deus nos prometeu. É certo que é nosso, que Deus prometeu, que ele já nos deu e que nada impedirá, mas precisamos batalhar, precisamos vencer os obstáculos.  Para Josué conquistar a terra prometida, precisou batalhar com dezenas de reinos para tomar posse da promessa de Deus. Deus já havia dado a eles aquelas terras, mas, eles precisaram conquistar e vencer os obstáculos. Deus faz a parte Dele, mas, nós temos que fazer a nossa parte.
CONCLUSÃO
Vimos que o nosso Deus é um Deus de promessas e que tem sempre o melhor para a nossa vida. Precisamos buscar a Deus a cada dia mais para que o Espírito Santo venha nos direcionar em suas promessas. Não devemos nos acomodar, mas sim batalhar pela fé em oração e fazer sempre aquilo que cabe a nós fazermos para que possamos alcançar, com paciência, as promessas de Deus. Se andarmos com Deus em temor e dedicação; ainda que o tempo passe, ainda que surjam muitas impossibilidades e obstáculos;  nada poderá impedir de vivermos as promessas de Deus. Sejamos fiéis e procuremos a valorizar toda a experiência da espera que tão importante será para o resto da nossa vida.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

As muitas águas não poderiam apagar o amor!


“As muitas águas não poderiam apagar o amor, nem os rios afogá-lo; ainda que alguém desse todos os bens da sua casa pelo amor seria de todo desprezado.”
(Cantares 8:7)
Nos primeiros versos que abrem este poema registrado em Cantares 8, Salomão nos mostra um modelo de amor fraternal que há muito tempo tem sido esquecido – um amor puro, inocente e sincero.

Carta a minha netinha Giullia

 " Quando eu for bem velhinha, espero receber a graça de, num dia de domingo, me sentar na poltrona do escritório e, bebendo um chá de jasmim,dizer a minha neta.
 - Querida, venha cá. Feche a porta com cuidado, sente-se aqui do meu lado. Tenho umas coisas para te contar.
 
E assim, dizer apontando o indicador para o alto:
- O nome disso não é conselho, isso se chama colaboração!  Eu vivi, ensinei, aprendi, caí, levantei e cheguei a algumas conclusões. E agora, do alto dos meus quase 80 anos, com os ossos frágeis, a pele mole e os cabelos brancos, minha alma é o que me resta, saudável e forte.
 
Por isso, vou colocar mais ou menos assim:
 
- É preciso coragem para ser feliz.
 
Seja valente.

Siga sempre o seu coração.
 
Para onde ele for, seu sangue, suas veias e seus olhos também irão.
E satisfaça seus desejos. Esse é seu direito e obrigação.
 
Entenda que o tempo é um paciente professor que irá te fazer crescer, mas a escolha entre ser uma grande menina ou uma menina grande, vai depender só de você.

Tenha poucos e bons amigos.
 
Tenha filhos.
 
Tenha um jardim.

Aproveite sua casa, mas vá a Fernando de Noronha, Barcelona e à Austrália.
 
Cuide bem dos seus dentes.
 
Experimente, mude, corte os cabelos.
Ame para valer, mesmo que ele seja o carteiro.
 
Vai que o carteiro ganha na loteria!  -  tudo é possível, e o futuro é imprevisível. 
 
Não corra o risco de envelhecer dizendo "ah, se eu tivesse feito...".
 
Tenha uma vida rica de vida. 

Viva romances de cinema, contos de fada e casos de novela.
 
Faça sexo, mas não sinta vergonha de preferir fazer amor.
 
E tome sempre conta da sua reputação, ela é um bem inestimável.
 
Porque, sim, as pessoas comentam, reparam, e se você der chance, elas inventam também detalhes desnecessários.

Se for se casar, faça por amor. Não faça por segurança, carinho ou status.
A sabedoria convencional recomenda que você se case com alguém parecido com você, mas isso pode ser um saco!
 
Prefira a recomendação da natureza, que com a justificativa de otimizar os genes da reprodução, sugere que procure alguém diferente de você. Mas para ter sucesso nessa questão, acredite no olfato e desconfie da visão. É o seu nariz quem diz a verdade quando o assunto é paixão.
 
Faça do fogão, do pente, da caneta, do papel e do armário, seus instrumentos de criação.
 
Leia, pinte, desenhe, escreva.
 
E, por favor, dance, dance, dance até o fim, senão por você, o faça por mim.
Compreenda seus pais. Eles te amam para além da sua imaginação, sempre fizeram o melhor que puderam, e sempre o farão.
Cultive os bons amigos. Eles são a natureza ao nosso favor e uma das formas mais raras de amor.
Não cultive as mágoas - porque se tem uma coisa que eu aprendi nessa vida é que um único pontinho preto num oceano branco deixa tudo cinza.
 
Era isso minha querida. Agora é a sua vez.
 
Por favor, encha mais uma vez a minha xícara, me conte: -"Como vai você?" 
 

O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.”

Quantas vezes você já sorriu para disfarçar uma lágrima teimosa?
Quantas vezes quis gritar e sufocou o pranto?
Quantas vezes quis sair correndo de algum lugar e ficou por educação, respeito ou medo?
Quantas vezes você esqueceu seus problemas e com um sorriso no rosto foi ajudar quem precisava de você
Quantas vezes tudo o que você desejou era apenas um abraço, um consolo, uma palavra amiga e só recebeu ingratidão?
Quantos passos foram necessários para chegar até onde você chegou?
Quantos de seus amigos sabem olhar pra você e perceber que você não esta bem?e quantos desses “amigos ” se importam em te ajudar?Criticar é fácil, mas usar o seu sapato ninguém quer, vestir as suas dores ninguém quer
Mais fica sabendo Deus fala no nosso coração
A Palavra de Deus é sempre um consolo, e a Voz do Seu Espírito é sempre um encorajamento na hora de maior provação. A Bíblia diz que “As aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada!” (Romanos 8:18) Quando pensamos nisso, isso nos ajuda a aguentar algumas das coisas pelas quais temos que passar no momento.“
O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.” (Salmos 30:5) Mantenha os olhos no Senhor! Fique ansioso pelo Céu, e isso ajudará você a aguentar algumas das provações e batalhas pelas quais está passando no momento, ao perceber que elas só duram um momento!
As pessoas choram e se entristecem por diversos motivos. Eles podem ser motivos pequenos ou grandes que as fazem chorar. O tamanho dos motivos não importa verdade é que não é possível viver e não chorar. Muitos crentes pensam que ser crente é não sofrer e nem chorar. Isso é um erro e um engano. Estão muito claros em nossa volta. Na vida você experimenta tudo; alegria e tristeza, riso e choro, ganhos e perdas, etc.Não podemos pensar na vida como um mar de rosas só. Tudo bem se for um mar de rosas, mas lá haverá também espinhos. As dificuldades estão presentes e o sofrimento tambem , a realidade humana e traz o choro. Mas o texto citado enche o crente de esperança, o choro acaba e a alegria vem pela manhã.Quando se está chorando não se deve perder a esperança e pensar que o choro não vai acabar. Ele vai acabar e a alegria o substituirá. A noite pode ser curta ou longa, mas acabará, o amanhecer raiará com esperança.A palavra de Deus deve estar enraizada no cristão para que ele com ousadia enfrente as lutas e vislumbre a vitória, a libertação e a aurora radiante. Reclamar, lamentar, blasfemar somente tornará a noite mais longa. Louvar a Deus, dar graças, orar, contar as bênçãos, encurtará a noite e a tornará mais suportável até que a manhã chegue Oro a Deus para que como cristão, você aprenda a viver na presença dEle sempre, na hora do choro e na hora da alegria, para viver e suportar tudo que a vida lhe oferecer.Ele te deu a vida como um presente.Se você está vivendo um tempo de choro, saiba que Deus está com você e que a alegria vai chegar. “Ele é nosso refugio e fortaleza, bem presente nas nossas tribulações
Não desista agora, você já caminhou tanto não é hora de desistir.
Olha para tudo que passou, pode ser que enfrentaras lutas terríveis, mas também grandes vitórias e conquistas. Não tenha medo da escuridão, pois é à noite que podemos ver a beleza das estrelas e não há melhor lugar para que a bondade do Deus Pai se revele do que nestes momentos de trevas e solidão. Se o sol está demorando a aparecer, não significa que a noite durará para sempre. A ultima meia hora para a conquista plena é a mais difícil, creia e tome posse dessa verdade. Todas as vezes que sentir que a luta se intensificou é porque está próxima de possuir algo que o inimigo teme muito. Não desista agora! Cansar você pode, mas desistir jamais. Pare por um instante, fale com Deus e deixe a paz invadir sua vida e transformar seu coração. Você se encherá de força e coragem para continuar lutando e conquistando tudo o que Deus preparou para você.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e, luz para os meus caminhos
(Salmo 119:105).
PARA ONDE VOCÊ ESTÁ INDO?
Vamos supor que nós queiramos chegar a um destino previamente estabelecido. Podemos facilmente chegar lá se tivermos um bom mapa. Naturalmente devemos ter a capacidade de ler mapas, o que demanda um conhecimento especializado. Se não tivermos um mapa, existem maneiras de verificar a direção de nosso destino e, possivelmente, também a distância a ser percorrida. Quando o sol está brilhando, podemos encontrar a direção certa com um relógio. Se estiver nublado, então precisaremos de uma bússola. Há regiões em que o vento é um fator importante a se considerar; musgo nas árvores nos ajuda a perceber isso. À noite, as estrelas atuam como guias, contanto que descubramos a estrela polar.
Mas existe um destino a que todos estão rumando, embora não seja na terra: é a eternidade! Qualquer meio terreno de orientação se mostra inútil neste caso. No entanto, cada momento de nossa vida nos aproxima dela. Por assim dizer, há duas rotas opostas para se entrar na eternidade: uma conduz à vida eterna, outra à condenação eterna. Você já se perguntou como saber qual a que leva à morte? Apenas a Bíblia, e mais nenhum outro instrumento, nos dá esta resposta.
Não há dúvida que o nosso destino é a eternidade. Mas os caminhos são: ou Jesus Cristo, o Caminho pelo qual entramos na glória divina, ou o caminho incerto que cada pessoa traça para si mesma e que ao final convergirá para o abismo.
Leia a Bíblia! Nosso desejo é que você alcance o destino que o próprio Deus lhe preparou antes da fundação do mundo: a esfera de Seu amor eterno!

Lagoa

Lugar especial para recarregar as baterias.
Aprendi...

“ Aprendi que eu não posso exigir o amor de ninguém.
Posso apenas dar ...boas razões para que gostem de mim e Ter paciência, para que a vida faça o resto.
Aprendi que não importa o quanto certas coisas sejam importantes para mim, tem gente que não dá a mínima e eu jamais conseguirei convencê-las.
Aprendi que posso passar anos construindo uma verdade e destruí-la em apenas alguns segundos.
Que posso usar o meu charme por apenas 15 minutos, depois disso, preciso saber do que estou falando.

Eu aprendi...Que posso fazer algo em um minuto e ter que responder por isso o resto da vida.
Que por mais que se corte uma pão em fatias, esse pão continua tendo duas faces, e o mesmo vale para tudo o que cortamos em nosso caminho.
Aprendi... Que vai demorar muito para me transformar na pessoa que quero ser, e devo ter paciência.
Mas, aprendi também que posso ir além dos limites que eu próprio coloquei.
Aprendi que preciso escolher entre controlar meus pensamentos ou ser controlado por eles.
Que os heróis são pessoas que fazem o que acham que devem fazer naquele momento, independentemente do medo que sente.

Aprendi que perdoar exige muita prática.
Que há muita gente que gosta de mim, mas não consegue expressar isso.
Aprendi... Que nos momentos mais difíceis, a ajuda veio justamente daquela pessoa que eu achava que iria tentar piorar as coisas.
Aprendi que posso ficar furioso, tenho o direito de me irritar, mas não tenho o direito de ser cruel.
Que jamais posso dizer a uma criança que seus sonhos são impossíveis, pois seria uma tragédia para o mundo se eu conseguisse convencê-la disso.

Eu aprendi que meu melhor amigo vai me machucar de vez em quando, e que eu tenho que me acostumar com isso.
Que não é o bastante ser perdoado pelos outros, eu preciso me perdoar primeiro.
Aprendi que, não importa o quanto meu coração esteja sofrendo, o mundo não vai parar por causa disso.
Eu aprendi... Que as circunstâncias de minha infância são responsáveis pelo que eu sou, mas não pelas escolhas que eu faço quando adulto;
Aprendi que numa briga preciso escolher de que lado eu estou, mesmo quando não quero me envolver.
Que, quando duas pessoas discutem, não significa que elas se odeiem; e quando duas pessoas não discutem não significa que elas se amem.

Aprendi que por mais que eu queira proteger os meus filhos, eles vão se machucar e eu também. Isso faz parte da vida.
Aprendi que a minha existência pode mudar para sempre, em poucas horas, por causa de gente que eu nunca vi antes.
Aprendi também que diplomas na parede não me fazem mais respeitável ou mais sábio.
Aprendi que as palavras de amor perdem o sentido, quando usadas sem critério.
E que amigos não são apenas para guardar no fundo do peito, mas para mostrar que são amigos.
Aprendi que certas pessoas vão embora da nossa vida de qualquer maneira, mesmo que desejemos retê-las para sempre.
Aprendi, afinal, que é difícil traçar uma linha entre ser gentil, não ferir as pessoas, e saber lutar pelas coisas em que acredito.”

William Shakespeare
"Prometi a mim mesma...
Ser forte de maneira que nada
possa perturbar a minha paz de espírito
Fazer os amigos sentirem que sempre haverá esperança.
Olhar para o lado bom de todas as coisas,
mesmo nos momentos ruins.
Escancarar todas as portas,
deixar a felicidade entrar.
Porque ser feliz é uma prioridade.
Esquecer o passado e fazer
dos meus sonhos uma realidade".
E, agora...
" Ando devagar, porque já tive pressa. Levo esse sorriso porque já chorei demais. Hoje, me sinto mais forte, mais feliz quem sabe. Só levo a certeza de que mto pouco eu sei...eu nada sei...!

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Por Que É Feliz Confiar No Senhor?  |  Pr. Olavo Feijó

Salmos 84:12 - SENHOR dos Exércitos, bem-aventurado o homem que em ti põe a sua confiança.

Os poetas do grupo de Corá escreviam seus salmos a partir de suas experiências pessoais com o Senhor. A onipotência do Senhor sempre os impressionou. Daí o verso que escreveram: “Ó Senhor Todo Poderoso, como são felizes aqueles que confiam em Ti.” (Salmo 84:12).

Quer saibamos, quer não, todos temos uma base em que confiamos. Através das experiências da vida, nossas bases de confiança começam na infância, quando olhamos para nossos pais como super gente, com poderes infalíveis. A partir da adolescência, começamos a duvidar dos poderes das pessoas e das coisas. Ao entrarmos no mercado de trabalho, o medo do desemprego nos Lea a depender das pessoas e instituições com o poder de nos demitir e nos destruir. Consequentemente, se conseguimos esconder lá dentro de nós algum senso crítico, finalmente nos damos conta de que todas as bases de confiança são falhas e falsas. Como não cair no cinismo?

A opção “confiar no Senhor” nada tem a ver com o institucionalismo religioso. Nunca deveria ser sinônimo de “membro de igreja”. Ou de “dizimista fiel”. Ou de “freqüentador assíduo de cultos”. Confiar no Senhor é abrir a mente e o coração, descobrir que o Reino de Cristo “não é deste mundo”, constatar que “no mundo tereis tribulações”. Confiar no Senhor é ter a coragem de vivenciar o “não mais eu, mas Cristo vive em mim”. Confiar no Senhor é não se conformar “com este mundo”. É ter o amor a Cristo necessário para não ver a alma para o consumismo do sexo, do poder, do dinheiro, da irresponsabilidade. Confiar em Cristo, enfim, é vivenciar a felicidade de comungar com o Transcendente, trabalhando com o Cristo imanente do aqui e agora, na direção do “novo céu e da nova terra”.
"Sem Sonhos, as Perdas se tornam Insuportáveis,
as Pedras no caminho se tornam Montanhas,
os Fracassos se transformam em golpes fatais.
Mas, se voce tiver grandes Sonhos...
seus erros produzirão Crescimento,
... seus desafios produzirão Oportunidades,
seus medos produzirão Coragem.
Por isso, meu ardente desejo é que voce
NUNCA DESISTA DOS SEUS SONHOS."

(Augusto Cury)

Eu e voce!!!

Pedaços de Mim- Martha Medeiros


Eu sou feito de
Sonhos interrompidos
detalhes despercebidos
amores mal resolvidos

Sou feito de
Choros sem ter razão
pessoas no coração
atos por impulsão

Sinto falta de
Lugares que não conheci
experiências que não vivi
momentos que já esqueci

Eu sou
Amor e carinho constante
distraída até o bastante
não paro por instante


Tive noites mal dormidas
perdi pessoas muito queridas
cumpri coisas não-prometidas

Muitas vezes eu
Desisti sem mesmo tentar
pensei em fugir,para não enfrentar
sorri para não chorar

Eu sinto pelas
Coisas que não mudei
amizades que não cultivei
aqueles que eu julguei
coisas que eu falei

Tenho saudade
De pessoas que fui conhecendo
lembranças que fui esquecendo
amigos que acabei perdendo
Mas continuo vivendo e aprendendo.
Porque se ama uma mulher madura?

Quando resolvi escrever sobre a mulher madura, pensei em mim e em todas as mulheres de trinta, quarenta, cinquenta... não importa a idade, claro, não desmerecendo as mais novas, até porque, pretendo falar de toda vivacidade que elas possuem.

A mulher madura tem um jeito todo especial de ser. mulher madura não é ventania, ela é ar em movimento. Ela possui uma bel...eza peculiar que não se iguala a nenhuma outra. pena daqueles que não sabem percebê-las!!!

A mulher madura não pega, ela toca.
A mulher madura não come, ela se alimenta.
A mulher madura não provoca, ela já é provocante.
A mulher madura não é inteligente, ela é sábia.
A mulher madura não se insinua, ela mostra o caminho sutilmente.
A mulher madura não se precipita, ela espera o momento certo.
A mulher madura não nada, ela navega.
A mulher madura não voa, ela flutua.
A mulher madura não pensa em quantidade, ela prefere qualidade.
A mulher madura não vê, ela observa.
A mulher madura não anda, ela caminha.
A mulher madura não deita, ela adormece.
A mulher madura não é pretensiosa, ela simplesmente se gosta.

A mulher madura não julga, ela analisa.
A mulher madura não compara, ela assimila.
A mulher madura não consola, ela acalenta.
A mulher madura não acorda, ela desperta.
A mulher madura não coloca algemas, ela os deixa livre.
A mulher madura não enfeitiça, ela encanta.
A mulher madura não é decidida, ela apenas sabe o que quer.
A mulher madura não é exigente, ela é seletiva.
A mulher madura não se senti velha, ela se considera experiente.
A mulher madura não se lamenta, ela tenta fazer diferente.
A mulher madura não tem medo, ela tem receios.
A mulher madura não faz juras, ela deixa por conta do tempo.
A mulher madura não tira conclusões, ela faz suposições.
A mulher madura “não desce do salto”, ela tem “jogo de cintura”.
A mulher madura não brilha, ela é iluminada.
A mulher madura não dá tchau, ela acena.
A mulher madura não gosta de ser vigiada, ela prefere ser escoltada.
A mulher madura não é moderna, ela é elegante.

A mulher madura não quer ser cobiçada, ela prefere ser desejada.
A mulher madura não possui sombras, ela tem aura.
A mulher madura não adivinha, ela tem percepção.
A mulher madura não faz sexo, ela é mestre na arte de amar.
A mulher madura não fica, ela se envolve.
A mulher madura não é fácil, ela é flexível.
A mulher madura não manda, ela administra.
A mulher madura não aflora, ela é um constante florescer.
Enfim, a mulher madura é um conjunto de todas as belezas possíveis.

Mulher sensível, mas ao mesmo tempo uma verdadeira guerreira, é forte, mas é feminina, porém, muitos não possuem sensibilidade para perceber tal beleza, mas aqueles que descobrem... preferem morrer nos braços dessa tal mulher, que não é doce, mas que, simplesmente é puro mel.
(Vanessa Pena)

HÁ AMIGOS MAIS CHEGADOS QUE IRMÃOS.

 “Há Amigos Mais Chegados Que Irmãos”.

 
16_amigos_abraco1AMIGO! Uma palavra com apenas cinco letrinhas, mas que expressam um grande sentimento quando relacionada a pessoas que amamos. Amigo é aquela pessoa que nos compreende, aquela que nos dá força nos momentos mais difíceis que enfrentamos, sempre disposta a estender a mão para nos ajudar, mesmo que seja apenas com simples palavras, seja elas de conforto ou até mesmo para chamar atenção, mas que são de grande valia para o momento enfrentado. Não é apenas companheiro(a) de baladas, quando tudo está bem, está muito além disso, é muito mais que um irmão(ã). É como a Bíblia diz em provérbios “há amigos mais chegados que um irmão”.
E mais, AMIZADE está além de proximidades geográficas. Pode estar anos sem ver, mas a amizade é fortalecida a cada reencontro, a cada conversa por telefone, MSN, Orkut, enfim. Sempre celebrada com muita intensidade.
Amizade de infância, amigos a mais de 10, 15, 20, 30….anos, como é bom ter amigos assim. Até pelo olhar já se compreende o que o outro quer, mas também tem aquelas amizades feitas com pouquíssimo tempo, parecendo que se conhecem há anos. E nada melhor para comemorar uma amizade de longa ou pouca data com o dia do amigo. Saber reconhecer, presentear a um amigo e expressar o sentimento carinhoso, atencioso que sentimos a quem amamos e consideramos tanto é de fundamental importância. Seja com presentes, mensagens pelo Orkut, MSN, SMS, enfim, são inúmeras formas que podemos expressar o quanto a nosso amigo(a) é importante para nós.
quanto-vale-uma-amizade
O dia do amigo foi criado no dia 20 de Julho de 1969, pelo argentino Enrique Ernesto Febrraro. Sendo inspirada com a chegada do homem a lua. Mas o que tem a ver o homem pisar na lua com amizades? Enrique associou ao fato que amizades podem ser feitas a qualquer lugar do planeta, até mesmo na lua. Espalhando-se um lema por muito tempo “Meu amigo é meu mestre, meu discípulo e meu companheiro”.
Então, há 40 anos atrás Enrique já estava certo. Independentemente de posição social, cor, religião e distância,amigossão para sempre. É um bem precioso que devemos cuidar todos os dias. Sempre comparo a amizade com uma plantinha, que devemos cuidá-la todos os dias para ficar florida, cheia de vida e que quando as possíveis “tempestades” vierem pelo caminho não sejam capazes de destruí-la.
Deixo um pequeno texto que uma grande amiga me enviou.
Porque υm dιa…
Noѕѕoѕ filhoѕ νerão aquelaѕ fotoѕ e vão perguntar:
- Mãe quem ѕão eѕѕas peѕѕoas?E responderemos:
- Foi uma das MINHAS MELHORES AMIGAS/IRMÃS do coração e foi com elaѕ que eu νiνi oѕ melhores anos da minha vida!

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Hoje eu...quero agradecer!

Disse então Maria: A minha alma engrandece ao Senhor, E o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador; Porque atentou na baixeza de sua serva; Pois eis que desde agora todas as gerações me chamarão bem-aventurada, Porque me fez grandes coisas o Poderoso; E santo é seu nome. E a sua misericórdia é de geração em geração Sobre os que o temem. Com o seu braço agiu valorosamente; Dissipou os soberbos no pensamento de seus corações. Depôs dos tronos os poderosos, E elevou os humildes. Encheu de bens os famintos, E despediu vazios os ricos. Auxiliou a Israel seu servo, Recordando-se da sua misericórdia; Como falou a nossos pais, Para com Abraão e a sua posteridade, para sempre. Lucas, 1, 46-55

bolg de eunicescruz: